Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 18/12/2017 - 08h25
Postado em Destaques, Senar - PR

18/12/2017 08h25 - Postado em Destaques, Senar - PR

São Paulo planeja “importar” AAJ

Diretores da Faesp estiveram em Paranacity para conhecer o programa do SENAR-PR, na busca por minimizar a falta de mão de obra nas usinas paulistas

As 140 usinas sucroalcooleiras instaladas em São Paulo colocam o Estado como o maior produtor de açúcar e etanol do país. Mas como em outras atividades do agronegócio nacional, o setor enfrenta problemas com a escassez de mão de obra qualificada. Na busca por minimizar o problema e ampliar a capacitação de colaboradores, a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de São Paulo (Faesp) planeja “importar” um programa de sucesso do Paraná, o Aprendizagem de Adolescentes e Jovens (AAJ). Criado em 2010 pelo SENAR-PR, o curso prepara jovens a trabalharem, entre outros lugares, em usinas de cana-de-açúcar.

Na primeira semana de dezembro, o vice-presidente da Faesp, Tirso de Salles Meirelles, e o superintendente do Senar-SP, Mário Biral, estiveram na usina do grupo Santa Terezinha instalada no município de Paranacity, no Noroeste do Estado, para conhecer detalhes do AAJ. O cronograma incluiu visitas a sala de treinamentos, apresentações do Trabalho de Conclusão (TC) de alunos que
estão encerrando o curso este ano e conversas com ex-alunos, que hoje fazem parte do quadro de funcionários da usina.

“A FAEP estimulou o processo profissional, que hoje é exemplar, com benefícios para o setor e para a sociedade. O AAJ fortalece o processo de capacitação da mecânica industrial que ainda não temos em São Paulo”, ressalta Meirelles. “Parte significativa das indústrias do Estado se depara com o problema de mão de obra. Nossa intenção é propor uma parceria para levar o programa para lá, inclusive com a ida do pessoal do Paraná para ajudar na implantação”, complementa.

Leia mais sobre o tema aqui.

Título da Postagem: São Paulo planeja “importar” AAJ

imprensa@faep.com.br
Agência de Internet PontoCom