Sistema FAEP/SENAR-PR

África do Sul reabre mercado para carne suína brasileira, diz ABPA

SÃO PAULO – Quase dez anos após proibir as compras de carne suína produzida no Brasil, a África do Sul reabriu seu mercado para o produto, informou hoje a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), que representa a indústria de carne de frango e suína do país.

De acordo com a ABPA, os sul-africanos proibiram as compras de carne suína brasileira em 2005, após o Brasil registrar focos de febre aftosa nos Estados do Paraná e Mato Grosso do Sul. Agora, a expectativa da entidade é retomar os embarques “em breve”.

Em comunicado à imprensa, a ABPA informou que, em 2005, as exportações brasileiras de carne suína para a África do Sul totalizaram 625 mil toneladas, ou 2,9% do total. Naquele ano, os africanos eram o quarto maior comprador da carne suína brasileira.

Fonte: Valor Econômico

André Amorim

Jornalista desde 2002 com passagem por blog, jornal impresso, revistas, e assessoria política e institucional. Desde 2013 acompanhando de perto o agronegócio paranaense, mais recentemente como host habitual do podcast Boletim no Rádio.

Comentar

Boletim no Rádio

Galeria | Flickr

  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.53.29
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.53
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.52
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.07
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.09
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.11
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.05
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.02
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.51.57

Boletim no Rádio