Sistema FAEP/SENAR-PR

Café tem desvalorização com maior produção no Brasil e queda do dólar

Seguindo Cepea, indicador para o arábica fechou a R$ 408,78/sc, queda de 0,8% em relação à semana anterior

Os preços internos do arábica caíram na maior parte da semana passada, influenciados pela estimativa de maior produção no Brasil e também pela desvalorização do dólar. Já as altas pontuais verificadas nos valores domésticos estiveram atreladas aos avanços externos, conforme colaboradores do Cepea. Nessa terça-feira, 25, o Indicador CEPEA/ESALQ do arábica fechou a R$ 408,78/sc, queda de 0,8% em relação à terça anterior, 18. Quanto ao robusta, o ritmo de negócio está lento, visto que agentes estão afastados dos negócios. Nessa terça-feira, o Indicador CEPEA/ESALQ do robusta tipo 6 peneira 13 acima fechou a R$ 320,42/saca de 60 kg, 0,2% menor que o da terça anterior, 18.

Fonte: Cepea

Comentar

Boletim no Rádio

Galeria | Flickr

  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.53.29
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.53
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.52
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.07
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.09
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.11
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.05
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.02
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.51.57

Boletim no Rádio