Sistema FAEP/SENAR-PR

Faep pede apoio à comercialização do trigo

Documento encaminhado aos ministros da Agricultura, Desenvolvimento Agrário, Casa Civil, Planejamento e Fazenda pede medidas urgentes para apoiar a comercialização do cereal

trigo colheita_070Mais da metade da produção nacional de trigo, equivalente a 3,9 milhões de toneladas estão sendo colhidas nos campos do Paraná. Apesar das excelentes estimativas de produtividade, os produtores seguem preocupados com a comercialização da safra.

De janeiro a junho foram importadas 3,47 milhões de toneladas do cereal. Desde a equivocada isenção da Tarifa Externa Comum (TEC) para o produto importado de países não integrantes do Mercosul, em junho, o preço médio recebido pelo produtor no Paraná teve redução de 23% até agosto, conforme dados da SEAB-PR.

O preço médio atual é de R$ 31,76 por saca e já está abaixo do preço mínimo estabelecido pelo governo federal de R$ 33,45 por saca. Em algumas regiões o preço negociado chegou a R$29,00.

É importante destacar que além desse preço aviltante, registra-se que a falta de compradores é o principal problema nas regiões produtoras com a colheita mais avançada no Estado, em razão da formação de estoques dos moinhos brasileiros, com trigo importado da Argentina, Uruguai e Paraguai, mas também em função da entrada de trigo dos EUA e Canadá isento de TEC pelo governo federal.

Logo, os produtores plantaram a safra com elevados custos de produção, que subiram em média 10% de acordo com os dados da Conab, e no momento da comercialização da safra paranaense os preços estão desvalorizados, sem perspectiva de recuperação ou sem compradores para o produto.

Esse cenário está descrito em oficio encaminhado no último dia 2 pelo presidente da FAEP, Ágide Meneguette, aos ministros da Agricultura e Abastecimentos e suas secretaria, ao Ministério de Desenvolvimento Agrário, Casa Civil, ao Ministério do Planejamento e Fazenda.

No documento, Ágide solicita o “apoio à comercialização de 1,5 a 2 milhões de toneladas no Estado por meio de Prêmio Equalizador Pago ao Produtor (PEPRO) e Aquisições do Governo Federal (AGF). O imediato apoio à comercialização do produto indicará o apoio ao produtor nesse momento, assegurando-lhe alguma sustentação do preço para os próximos meses”.

André Amorim

Jornalista desde 2002 com passagem por blog, jornal impresso, revistas, e assessoria política e institucional. Desde 2013 acompanhando de perto o agronegócio paranaense, mais recentemente como host habitual do podcast Boletim no Rádio.

Comentar

Boletim no Rádio

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .

Galeria | Flickr

  • AX6A6385
  • AX6A6406
  • AX6A6402
  • AX6A6414
  • AX6A6424
  • AX6A6429
  • AX6A6437
  • AX6A6442
  • AX6A6363

Boletim no Rádio