Sistema FAEP/SENAR-PR

Milho com preço interno elevado

Segundo Cepea, incertezas quanto à produtividade e alta do dólar são responsáveis pela alta do grão

Preocupações quanto à produtividade das lavouras de segunda safra de milho seguem elevando os preços internos do cereal. Conforme colaboradores do Cepea, chuvas pontuais foram registradas em algumas regiões do Centro-Sul nos últimos dias, mas o volume foi considerado baixo para recuperar o potencial produtivo das lavouras. Assim, incertos quanto à oferta de milho nos próximos meses, produtores estão retraídos do mercado, sustentando o movimento de alta dos preços. Entre 11 e 18 de maio, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa avançou 0,4% na região de Campinas (SP), a R$ 42,61/saca de 60 kg na sexta-feira, 18. Na parcial do mês, o Indicador acumula forte alta de 8,2%. A forte valorização do dólar neste mês também tem influenciado as altas dos preços internos. Desde o início de maio, a moeda norte-americana se valorizou 6,7% e, na parcial deste ano, 13,1%, atingindo R$ 3,74 no dia 18.

Fonte: Cepea

Comentar

Boletim no Rádio

Galeria | Flickr

  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.53.29
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.53
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.52
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.07
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.09
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.11
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.05
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.02
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.51.57

Boletim no Rádio