Sistema FAEP/SENAR-PR

CEPEA: Oferta reduzida impulsiona valores da mandioca

A menor disponibilidade da raiz steve atrelada à baixa produtividade das lavouras

As cotações de mandioca subiram na última semana em algumas das regiões acompanhadas pelo Cepea, impulsionadas pela oferta restrita. A menor disponibilidade esteve atrelada à baixa produtividade das lavouras e à podridão radicular, que afetou as raízes em algumas praças. Do lado da demanda, segundo pesquisadores do Cepea, a procura pelas farinheiras e fecularias esteve reduzida, devido à baixa liquidez nos mercados derivados, especialmente nos últimos dias. Entre 20 e 24 de fevereiro, o valor médio a prazo para a tonelada da mandioca posta fecularia ficou em R$ 526,61 (R$ 0,9158 por grama de amido na balança hidrostática de 5 kg), ligeiro 0,07% acima da média anterior. A média de fevereiro subiu 2,8% frente à de janeiro em termos nominais.

Fonte: Cepea

André Amorim

Jornalista desde 2002 com passagem por blog, jornal impresso, revistas, e assessoria política e institucional. Desde 2013 acompanhando de perto o agronegócio paranaense, mais recentemente como host habitual do podcast Boletim no Rádio.

Comentar

Boletim no Rádio

Galeria | Flickr

  • IMG_7804
  • IMG_7797
  • IMG_7803
  • IMG_7790
  • IMG_7793
  • IMG_7787
  • IMG_7775
  • IMG_7783
  • IMG_7771

Boletim no Rádio