Sistema FAEP/SENAR-PR

EUA terão pior superávit agrícola dos últimos 6 anos

O superávit comercial agrícola dos Estados Unidos deve cair US$ 13 bilhões no ano fiscal de 2014, chegando a US$ 22 bilhões. O resultado representa o menor superávit desde 2007, divulgou nesta nesta quinta-feira (29.08) o USDA em seu relatório  de perspectivas para o comércio agrícola dos EUA.

O Departamento de Agricultura norte-americano rebaixou em US$ 5 bilhões suas expectativas de exportações agrícolas para o ano fiscal de 2014. Fixou em US$ 135 bilhões, contra os US$ 140 bilhões projetados para o ano fiscal de 2013.

A queda será ainda pior nas oleaginosas, que deverão diminuir até US$ 5,4 bilhões de dólares devido ao pior desempenho da soja e do preço do farelo. As exportações de grãos devem cair US$ 1,7 bilhão devido a baixas no trigo, arroz e farelos.

As exportações de algodão devem cair até US$ 700 milhões devido à menor produção doméstica e redução na demanda da China. Por outro lado, pouca variação é esperada nas exportações de gado, aves e produtos lácteos, enquanto as exportações hortícolas estão previstas para aumentar de US$ 2,5 bilhões para US$ 34,5 bilhões.

As exportações agrícolas para a China devem cair US$ 2 bilhões no ano fiscal de 2013, enquanto o Canadá pode retornar sua posição como maior mercado dos EUA. Já as importações agrícolas norte-americanas devem bater o recorde com US$ 113 bilhões dólares, o que representa US$ 8 bilhões a mais do no ano fiscal de 2013 (US$ 105 bilhões).

Agrolink/Leonardo Gottems

DETI

O Departamento de Tecnologia da Informação (Deti) do Sistema FAEP/SENAR-PR, formado por profissionais da área, é responsável pela gestão tecnológica do portal da entidade, desde o design, primando pela experiência do usuário, até suas funcionalidades para navegabilidade.

Comentar

Boletim no Rádio

Galeria | Flickr

  • IMG_7804
  • IMG_7797
  • IMG_7803
  • IMG_7790
  • IMG_7793
  • IMG_7787
  • IMG_7775
  • IMG_7783
  • IMG_7771

Boletim no Rádio