Sistema FAEP/SENAR-PR

Importações de soja pela China caem 11% em março

Banco avalia que recuo no desempenho mensal se deveu, provavelmente, aos primeiros efeitos das tensões comerciais entre China e Estados Unidos

As importações de soja pela China somaram 5,66 milhões de toneladas em março, queda de 11% em relação a igual mês de 2017, informou o Departamento de Alfândega do país nesta sexta-feira (13). No acumulado do trimestre, as compras chinesas da oleaginosa totalizaram 19,57 milhões de toneladas, ligeira alta de 0,2% ante mesmo intervalo do ano passado.

O banco australiano ANZ avalia que o recuo no desempenho mensal se deveu, provavelmente, aos primeiros efeitos das tensões comerciais entre China e Estados Unidos. No entanto, a instituição financeira acredita que as importações podem se recuperar nos próximos meses, à medida que os chineses procurem mais soja brasileira para aquisição.

Fonte: Revista Globo Rural.

Antonio Senkovski

Repórter e produtor de conteúdo multimídia. Desde 2016, atua como setorista do setor agropecuário (do Paraná, Brasil e mundial) em veículos de comunicação. Atualmente, faz parte a equipe de Comunicação Social do Sistema FAEP/SENAR-PR. Entre as principais funções desempenhadas estão a elaboração de reportagens para a revista Boletim Informativo; a apresentação de programas de rádio, podcasts, vídeos e lives; a criação de campanhas institucionais multimídia; e assessoria de imprensa.

Comentar

Boletim no Rádio

Galeria | Flickr

  • IMG_7804
  • IMG_7797
  • IMG_7803
  • IMG_7790
  • IMG_7793
  • IMG_7787
  • IMG_7775
  • IMG_7783
  • IMG_7771

Boletim no Rádio