Sistema FAEP/SENAR-PR

México sacrifica 40 mil aves por gripe aviária

Autoridades sanitárias do estado mexicana de Guanajuato ordenaram o sacrifício de ao menos 40 mil aves devido a um foco de gripe aviária, anunciou o governador local, Miguel Márquez.

O Ministério da Agricultura informou que técnicos do Serviço Nacional Sanitário, Inocuidade e Qualidade Agroalimentar confirmaram a "presença de um vírus da influência aviária em sete granjas da empresa Bachoco" nos municípios de Dolores Hidalgo e San Luis de la Paz, ambos em Guanajuato.

As autoridades também entregaram à empresa 1,9 milhão de doses de vacina para aplicação preventiva em aves reprodutoras e em granjas da região.

Miguel Márquez afirmou, porém, "que não há motivo para um aumento dos preços da carne de frango e de ovos" no México. Segundo Márquez, foi estabelecido um perímetro sanitário para controlar a doença.

Em junho do ano passado, o México registrou uma onda de infecção que fez as autoridades sacrificarem 22 milhões de aves, provocando escassez da carne de frango e ovos.
comentários

O REPÓRTER

DETI

O Departamento de Tecnologia da Informação (Deti) do Sistema FAEP/SENAR-PR, formado por profissionais da área, é responsável pela gestão tecnológica do portal da entidade, desde o design, primando pela experiência do usuário, até suas funcionalidades para navegabilidade.

Comentar

Boletim no Rádio

Galeria | Flickr

  • IMG_7804
  • IMG_7797
  • IMG_7803
  • IMG_7790
  • IMG_7793
  • IMG_7787
  • IMG_7775
  • IMG_7783
  • IMG_7771

Boletim no Rádio