Sistema FAEP/SENAR-PR

Motocicletas para uso rural entram na linha de crédito Pronaf – Mais Alimentos

Desde 1º de julho, os produtores inscritos no Programa podem financiar os veículos de duas rodas, com taxas de juro subsidiadas, que variam entre 2,5% a 5,5% ao ano

Comemorado no dia 27 de julho, o Dia do Motociclista teve um sabor especial este ano, principalmente no meio rural. É que as motocas entraram na lista de itens que podem ser financiados por meio do Programa de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf – Mais Alimentos), do governo federal. Desde o dia 1º de julho deste ano, os produtores inscritos no Programa podem financiar os veículos de duas rodas, com taxas de juro subsidiadas, que variam entre 2,5% a 5,5% ao ano. Mais, com prazo de até 10 anos e três anos de carência para pagar.

A medida vai ao encontro de uma tendência no campo, que é substituir o uso do cavalo pela motocicleta em algumas atividades. A novidade foi anunciada em maio, com a assinatura de um acordo de cooperação técnica entre o governo federal e a Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e similares (Abraciclo).

De acordo com o diretor-executivo da entidade, José Eduardo Gonçalvez, a expectativa do setor é grande, uma vez que se trata de um nicho de mercado representativo. “Temos informação que são 4 milhões de famílias cadastradas no Programa. Se multiplicar por cinco membros de cada família, são 20 milhões de pessoas. É um potencial muito grande diante de um mercado que vende menos de 1 milhão de motocicletas por ano”, observa.

Segundo o executivo, esta é a primeira vez que estes veículos entram na lista de itens financiáveis pelo Pronaf. “É interessante porque a moto já está presente no campo. Temos acompanhado, nos últimos 10 anos, uma evolução constante da substituição da tração animal pela motocicleta nas atividades agrossilvipastoris”, afirma.

Leia matéria completa no Boletim Informativo.

Antonio Senkovski

Repórter e produtor de conteúdo multimídia. Desde 2016, atua como setorista do setor agropecuário (do Paraná, Brasil e mundial) em veículos de comunicação. Atualmente, faz parte a equipe de Comunicação Social do Sistema FAEP/SENAR-PR. Entre as principais funções desempenhadas estão a elaboração de reportagens para a revista Boletim Informativo; a apresentação de programas de rádio, podcasts, vídeos e lives; a criação de campanhas institucionais multimídia; e assessoria de imprensa.

Comentar

Boletim no Rádio

Galeria | Flickr

  • AX4A2022
  • AX4A2020
  • AX4A2016
  • AX4A2014
  • AX4A2015
  • AX4A2010
  • AX4A2011
  • AX4A2008
  • AX6A2625

Boletim no Rádio