Sistema FAEP/SENAR-PR

País envia missão a países que deixaram de comprar do Brasil

O Ministério da Agricultura enviará, a partir do final deste mês, missões técnicas aos doze países que suspenderam temporariamente a importação de carne bovina brasileira, por causa do caso atípico de Encefalopatia Espongiforme Bovina (EEB), também denominada doença da vaca louca, que ocorreu no Paraná em 2010 e foi notificado no final do ano passado.

Segundo o Ministério da Agricultura, apesar das restrições do grupo de doze países, as exportações de carne bovina em janeiro cresceram 43% em volume (para 89,3 mil toneladas) e 36% em valor (para US$ 409,2 milhões), em relação ao mesmo mês do ano passado As exportações de bovinos vivos também cresceram 104,2% no mês passado (para US$ 65,2 milhões), em comparação a janeiro de 2012

Célio Porto, secretário de relações internacionais do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento explica que as visitas técnicas são importantes para restabelecer o quanto antes as negociações comerciais com os países. Ele afirmou que Peru e Chile solicitaram informações detalhadas e devem suspender as restrições em breve.

As primeiras missões técnicas embarcam no dia 28 para o Oriente Médio. O secretário de Defesa Agropecuária, Ênio Marques, e o diretor do Departamento de Saúde Animal, Guilherme Marques, do Mapa, irão se reunir com autoridades da Arábia Saudita, Bahrein, Catar e Omã.

DCI

Sistema FAEP

Comentar

Boletim no Rádio

Galeria | Flickr

  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.53.29
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.53
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.52
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.07
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.09
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.11
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.05
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.02
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.51.57

Boletim no Rádio