Sistema FAEP/SENAR-PR

Paraná está entre os três Estados que mais criaram emprego em abril

Os municípios que mais criaram postos de trabalho foram Curitiba (2.329 vagas), Cascavel, Maringá, Telêmaco Borba , Londrina e Umuarama

milho1_1O Paraná criou 12.378 empregos com carteira assinada em abril deste ano, posicionando-se como o melhor desempenho da região Sul e o terceiro do Brasil, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho, divulgados ontem (21).

A maior parte das novas vagas foi para o Interior do Estado, com 9.601 empregos. A Região Metropolitana de Curitiba registrou acréscimo de 2.777 empregos formais em relação ao mês anterior, um aumento de 0,25%.

O número de novas vagas criadas em abril representa crescimento de 0,45% em relação ao estoque de trabalhadores com carteira assinada do mês anterior.

Nos quatro primeiros meses deste ano, houve acréscimo de 57.891 postos de trabalho, um aumento de 2,13%. Nos últimos 12 meses, foram criadas 76.956 vagas – crescimento de 2,86% no nível de emprego.

No Brasil, o Paraná ficou atrás apenas de São Paulo (44.374 vagas) e de Minas Gerais (15.133 postos de trabalho). O Rio Grande do Sul criou 8.589 novos empregos e Santa Catarina registrou 6.756 oportunidades de emprego.

Lideres
Para o secretário estadual do Trabalho, Emprego e Economia Solidária, Amin Hannouche, os dados mostram que o Paraná mantém o desempenho dos últimos anos, quando ficou entre os Estados que mais criaram empregos no país.

“O Paraná deve se manter em 2014 entre os líderes na geração de empregos. O bom desempenho paranaense se deve, entre outros fatores, à atração de novos investimentos, à segurança jurídica e ao bom ambiente de negócios criado no governo Beto Richa, aliado às políticas de qualificação profissional e ao maior salário mínimo regional do país”, analisa o secretário.

Setores

Os setores que mais geraram empregos no Paraná em abril foram Serviços (4.861 postos), Comércio (3.257 postos), Indústria de Transformação (2.242 postos) e Agropecuária (1.363 postos).

Os municípios que mais criaram postos de trabalho foram Curitiba, com a geração de 2.329 vagas, Cascavel (762 novos postos de trabalho), Maringá (465), Telêmaco Borba (433), Londrina (385) e Umuarama (360 novas vagas).

Brasil

No país, segundo os dados do Caged, foram gerados em abril 105.384 empregos, com expansão de 0,26% no estoque de assalariados com carteira assinada do mês anterior.

No acumulado do ano os dados mostram um acréscimo de 458.145 empregos (mais 1,13%). Nos últimos 12 meses verificou-se a criação de 884.976 postos de trabalho, correspondendo ao crescimento de 2,20 % no contingente de empregados celetistas do país.

Os dados mostram que sete dos oitos setores elevaram o contingente de assalariados com carteira assinada, com destaque para os Serviços (68.876 postos), seguido do Comércio (16.569 postos) e da Agricultura (14.052 postos).
O único setor que registrou declínio no saldo de emprego foi a Indústria de Transformação, com a perda de 3.427 postos de trabalho.

Fonte: Jornal União – 22/05/2014

DETI

O Departamento de Tecnologia da Informação (Deti) do Sistema FAEP/SENAR-PR, formado por profissionais da área, é responsável pela gestão tecnológica do portal da entidade, desde o design, primando pela experiência do usuário, até suas funcionalidades para navegabilidade.

Comentar

Boletim no Rádio

Galeria | Flickr

  • AX6A0944
  • AX6A0950
  • AX6A0940
  • AX6A0937
  • AX6A0922
  • AX6A0931
  • AX6A0870
  • AX6A0852
  • AX6A0867

Boletim no Rádio