Sistema FAEP/SENAR-PR

Preço do leite ao produtor volta a subir

O preço do leite ao produtor nacional voltou a subir em março, segundo levantamento da Scot Consultoria. Os produtores do país receberam neste mês, em média, R$ 0,753 pelo litro de leite entregue em fevereiro aos laticínios. A alta é de 1,5% em relação a fevereiro, quando o valor pago foi de R$ 0,742 por litro.

Rafael Ribeiro, analista da Scot, afirma que o aumento dos preços se deve à redução da oferta de matéria-prima à medida que a entressafra se aproxima. "A partir de abril, a redução de oferta ficará mais acentuada".

Além da disponibilidade menor, as chuvas em fevereiro também atrapalharam o transporte de leite até as indústrias, conforme Ribeiro. Isso ampliou a concorrência entre os laticínios. A pesquisa da Scot mostra que em algumas regiões de produção de Minas Gerais e São Paulo, a captação de leite pelas indústrias caiu entre 5% e 15%.

Como reflexo da oferta menor e da demanda firme, os preços do leite longa vida também subiram. No atacado, o litro alcançou R$ 1,85 em março, alta de 8,8% sobre fevereiro. "A pergunta é até que ponto, essa alta vai interferir na demanda", observou Ribeiro.

A pesquisa da Scot, realizada 115 a 130 empresas em 17 Estados, indica que 36% delas esperam alta para o leite no pagamento de abril.

Fonte: Valor Econômico – 31/03/2011

DETI

O Departamento de Tecnologia da Informação (Deti) do Sistema FAEP/SENAR-PR, formado por profissionais da área, é responsável pela gestão tecnológica do portal da entidade, desde o design, primando pela experiência do usuário, até suas funcionalidades para navegabilidade.

Comentar

Boletim no Rádio

Galeria | Flickr

  • IMG_7804
  • IMG_7797
  • IMG_7803
  • IMG_7790
  • IMG_7793
  • IMG_7787
  • IMG_7775
  • IMG_7783
  • IMG_7771

Boletim no Rádio