Sistema FAEP/SENAR-PR

Soja bate os R$ 85 no Porto de Paranaguá

Conflito entre EUA e China e dólar acima dos R$ 3,30 favorecem o mercado brasileiro de alguém

O mercado brasileiro de soja teve uma quarta-feira de melhor movimentação e mais negócios. A valorização da soja na Bolsa de Mercadorias de Chicago garantiu sustentação às cotações no Brasil, bem como estimulou a maior agitação e negociação no dia. O resultado foi que a saca atingiu os R$ 85 nos portos de Paranaguá, no Paraná, e de Rio Grande, no Rio Grande do Sul.

O conflito comercial entre Estados Unidos e China fez com que os prêmios pela oleaginosa disparassem no mercado interno. A taxa de câmbio acima dos R$ 3,30 e a quebra de safra na Argentina aumentam a especulação em torno da mesma e, assim, produtores vão comercializando soja e efetivando boas remunerações.

Os contratos futuros da soja negociados na Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT) fecharam a quinta-feira com preços em forte alta. O mercado recuperou parte das perdas de ontem. Para os agentes, a reação negativa à sobretaxa chinesa ao produto dos Estados Unidos foi exagerada.

Neste momento, cresce no mercado o sentimento de que China e Estados Unidos voltarão a negociar, com ambas partes cedendo. Além disso, o bom resultado das exportações semanais americanas ajudou na recuperação dos contratos.

As exportações líquidas norte-americanas de soja, referentes à temporada 2017/18, com início em 1 de setembro, ficaram em 1.133.000 toneladas na semana encerrada em 29 de março. O número foi bem acima da semana anterior e 7% inferior à média das últimas quatro semanas.

Para a temporada 2018/19, foram mais 358.200 toneladas. Analistas esperavam entre 600 mil a 1,15 milhão toneladas, somando as duas temporadas. As informações foram divulgadas pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA).

Nos subprodutos, a posição maio do farelo subiu US$ 1,80 por tonelada (0,47%), sendo negociada a US$ 383,60 por tonelada. No óleo, os contratos com vencimento em maio fecharam a 31,78 centavos de dólar, ganho de 0,10 centavo ou 0,31%.

Fonte: Canal Rural.

Antonio Senkovski

Repórter e produtor de conteúdo multimídia. Desde 2016, atua como setorista do setor agropecuário (do Paraná, Brasil e mundial) em veículos de comunicação. Atualmente, faz parte a equipe de Comunicação Social do Sistema FAEP/SENAR-PR. Entre as principais funções desempenhadas estão a elaboração de reportagens para a revista Boletim Informativo; a apresentação de programas de rádio, podcasts, vídeos e lives; a criação de campanhas institucionais multimídia; e assessoria de imprensa.

Comentar

Boletim no Rádio

Galeria | Flickr

  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.53.29
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.53
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.52
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.07
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.09
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.11
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.05
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.52.02
  • WhatsApp Image 2022-04-27 at 13.51.57

Boletim no Rádio