Sistema FAEP/SENAR-PR

Conseleite-PR registra nova queda no valor de referência em setembro

Movimento negativo deve se manter até outubro, quando as oscilações começam a diminuir, conforme projeção

A tendência de queda no valor de referência do leite projetada para o mês de setembro foi confirmada pelo Conseleite-PR, conforme resultados divulgados em reunião realizada nesta terça-feira (25). Os dados fecharam em R$ 2,26, o que representa R$ 0,35 a menos do que a média de agosto, de R$ 2,61. Em termos percentuais, isso representa uma queda de 13%.

“O cenário é preocupante. Os altos custos de produção continuam pressionando a atividade. Ainda temos a instabilidade do clima, principalmente na região Sul, que vem sendo atingida por excesso de chuvas nos últimos meses”, alertou o vice-presidente do Conseleite-PR, Ronei Volpi. “Isso significa que vamos continuar lidando com produtores deixando a atividade leiteira por inviabilidade”, complementou.

Com exceção do leite em pó, todos os derivados tiveram queda nos preços na comparação entre agosto e setembro, com destaque para o leite spot e UHT. De acordo com os números apresentados, a tendência de queda se mantém em outubro, porém de forma mais branda, com projeção de reajuste negativo para o valor de referência em torno de 2%.

Ainda, em setembro, o saldo de importações da balança comercial de lácteos superou o recorde de agosto – que era de US$ 100 milhões –, saltando para US$ 107 milhões. Na avaliação de Volpi, essa é outra questão recorrente ao qual o setor deve permanecer atento.

Bruna Fioroni

Graduada em Comunicação Social – Jornalismo, trabalhou na cobertura do setor agropecuário e comunicação governamental no Mato Grosso do Sul. Tem experiência como social media e com marketing digital. Atualmente trabalha como jornalista no Sistema FAEP/SENAR-PR.

Comentar

Boletim no Rádio

Boletim no Rádio