Sistema FAEP/SENAR-PR

Preço da soja acentua desvalorização e acumula queda em mais de 5%

Segundo o Cepea, dólar em baixa e compradores retraídos, às espera da safra nova, estão entre os fatores do movimento negativo deste mês

O preço da soja vem acentuando sua trajetória de queda neste mês. A referência medida pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), com base no Porto de Paranaguá (PR), acumulou desvalorização de 5,19% até a última sexta-feira (11/1), com a saca cotada a R$ 76,01.

De acordo com os pesquisadores, um dos motivos é a queda do dólar, que torna a soja brasileira menos competitiva no mercado internacional. Outro, é a retração dos compradores, em função do calendário de safra do Brasil.

“Com expectativas de que a China volte a comprar maiores volumes de soja dos Estados Unidos, compradores domésticos seguem retraídos, também no aguardo da maior oferta da nova safra brasileira”, diz o Cepea, em nota, nesta segunda-feira (14/1).

O indicador medido pelo Cepea com base na média dos negócios no Paraná recuou 4,24% neste mês. Na sexta-feira (11/1), a saca foi cotada a R$ 70,96.

Fonte: Revista Globo Rural

Bruna Fioroni

Graduada em Comunicação Social – Jornalismo, trabalhou na cobertura do setor agropecuário e comunicação governamental no Mato Grosso do Sul. Tem experiência como social media e com marketing digital. Atualmente trabalha como jornalista no Sistema FAEP/SENAR-PR.

Comentar

Boletim no Rádio

Galeria | Flickr

  • AX6A0944
  • AX6A0950
  • AX6A0940
  • AX6A0937
  • AX6A0922
  • AX6A0931
  • AX6A0870
  • AX6A0852
  • AX6A0867

Boletim no Rádio